19 maio 2017

Resenha: Princesa de Papel

Título: Princesa de Papel - The Royals #1
Autora: Erin Watt
Editora: Planeta de Livros | Selo Essência
Gênero: Romance
Ano: 2017
Páginas: 368
Skoob

“A minha vida é minha. Eu a vivo. Eu a controlo.”

Ella Harper teve que aprender desde muito cedo a se virar sozinha. Ela nunca conheceu seu pai, sua mãe sempre fez o possível para sustenta-las, mas, infelizmente, ela ficou impossibilitada de trabalhar por estar doente, e Ella acabou tomando para si a responsabilidade de mantê-las. Para sobreviver ela acabou se tornando strip-tease, e, agora que sua mãe faleceu ela está sozinha, mas isso está prestes a mudar...

Ella nunca esperou muito da vida. Seu maior sonho é conseguir ir para a faculdade e ter um futuro... sua vida nunca foi fácil, mas quando Callum aparece em sua vida prometendo-lhe as coisas que mais precisa e deseja, ela acaba decidindo ir morar com ele que é seu tutor legal, já que além de ter perdido sua mãe, ela acaba por descobrir que seu pai, o homem que não teve a oportunidade de conhecer e melhor amigo de Callum, também faleceu.

E foi assim que de plebeia, Ella se tornou princesa...
Mas a verdade é que sua vida nunca foi um conto de fadas e não será agora que vai se tornar.

Callum está comprometido a cuidar de Ella como se fosse sua filha, só que isso não é bem visto pelos seus cinco filhos, e eles acabam por não aceitar Ella em suas vidas, já que antes mesmo de conhecê-la já tinham uma ideia formada sobre ela, e nada os faria aceitá-la em sua família. Então imaginem, Ella passou por poucas e boas, mas nunca se fez de coitadinha, sempre enfrentava todos de cabeça erguida. Até que, se sente completamente atraída por Reed Royal, um dos filhos de Callum e o que mais parece “odiá-la”.
“A maça está pendurada na minha frente, vermelha, suculenta e deliciosa, mas, como num conto de fadas, Reed Royal é o vilão disfarçado de príncipe. Dar uma mordida nele seria um erro enorme.”

E apesar de terem tido um começo turbulento, Ella e os Royals aos poucos começam a se entender, e parece que tudo estava indo bem, afinal, Ella está tendo acesso a uma vida que nem em seus sonhos ela poderia ter imaginado e Reed é finalmente seu, maaaaaaaaaas, os Royals não são perfeitos como parecem ser, e como dizem: o dinheiro não traz tudo. A família está desestruturada. Eles estão quebrados, e Reed esconde alguns segredos que poderá afetar seu relacionamento com Ella, além de machucá-la emocionalmente. ... Já disse que a vida dela não é um conto de fadas?

Gostei muito de Ella, de sua independência e pulso firme para lidar com os Royals e com todos a sua volta, apesar de algumas atitudes dela serem sem noção rsrs. Já o Reed? Bem, eu não sei dizer o que achei dele, estou meio que em uma relação de amor e ódio ^-^. Tomara que ele me surpreenda (positivamente) no próximo livro.

Princesa de Papel é um bom entretenimento e é aquele típico livro que não conseguimos deixar de lado, que quanto mais lemos, mais queremos ler, além do mais, a escrita das autoras é muito instigante, tanto é que li o livro dentro de algumas horas.

Apesar de ter tido algumas coisas que me incomodaram no decorrer da trama, eu curti muito a leitura e é por conta disso que eu recomendo muitíssimo. Quero que vocês pirem, surtem e sofram pela sequência junto comigo, porque, deixa eu contar pra vocês, o livro termina com um cliffhanger de deixar qualquer um louco. :o E é por isso que estou muito ansiosa pelos livros 2 e 3... e pelo o que eu li por aí, a série não vai parar nos três livros, parece que vamos ter mais dos irmãos Royals \o/. Agora é torcer para que a Editora Planeta de Livros não demore para publicar os próximos livros. #ansiedadedefine

Comente com o Facebook:

Sem comentários :

Enviar um comentário

A Culpa é dos Leitores - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados