12 junho 2017

Resenha: Quando o Amor Bater à Sua Porta

Título: Quando o Amor Bater à Sua Porta
Autora: Samanta Holtz
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance
Ano: 2016
Páginas: 304

Quando o amor bater à sua porta é o primeiro livro que leio da Samanta Holtz, e agora só posso dizer que quero todos os livros dela. A Samanta tem uma sensibilidade incrível em contar suas histórias; foi impossível não me apaixonar e querer mais rsrs

Um livro sobre uma escritora e seu mais novo livro e em como sua vida acaba se tornando um reflexo da vida de seus personagens. Interessante, não?!

"Coisas maravilhosas podem acontecer todos os dias."

Malu Rocha é uma renomada escritora e está finalizando mais um de seus livros. Conhecida por seus romances com "felizes para sempre" ela acaba se surpreendendo ao ser questionada sobre o amor em uma entrevista, desacreditada do amor, Malu acaba não sabendo o que responder e encerra a entrevista.

 Só que aquela simples pergunta não sai da cabeça de Malu, o que acabou sendo o ponta pé para ela começar a se questionar sobre o desfecho de suas histórias. Por que romantizar tudo, quando a vida real é bem diferente do que conta em seus livros?

E enquanto Malu tenta dar um desfecho satisfatório para seus personagens, conhecemos Luiz Otávio Veronezzi. Luiz Otávio após um acidente de carro, acaba perdendo a memória. A única coisa que se lembra é que tinha uma reunião marcada com a escritora Malu Rocha, já que foi a única coisa que restou do acidente, além de um pouco de dinheiro. Sendo ela a sua única chance de descobrir quem realmente é, ele acaba batendo à porta dela.

Malu leva uma vida muito metódica: pedalar, visitar o avô no asilo, ir ao aeroporto, escrever e comparecer a seus compromissos. Eu até a achei um pouco fria no começo do livro e bem solitária, mas sua vida muda completamente depois de conhecer Luiz.

Malu não faz ideia de quem seja Luiz Otávio, na verdade, nem lembra de ter marcado nenhuma entrevista com ele, mas, talvez isso se deva ao falto de sua assessora, Rebeca, ser um pouquinho desorganizada. Sem ter muito o que fazer por ele e sem ter muita vontade, ela acaba contatando Rebeca para saber o que ela poderia fazer por Luiz. Mas Malu sabe que não fez o suficiente, e a cada vez que o encontra, ela acaba se sentindo incomodada, é então que ela resolve se importar, fazer mais por ele.

"[...] experimentou dentro de si uma leveza que há um bom tempo não vivenciava. E sabia bem o porquê; ela havia feito a coisa certa. Ser incapaz de resolver os problemas de alguém não é motivo para deixar de fazer o que está ao seu alcance, e foi o que ela fez."


"[...] Luiz Otávio era oficialmente seu problema, sua responsabilidade. E ela tinha se tornado uma parte fundamental da história dele. Algo como a luz no fim do túnel ou o último vestígio de esperança ante de, quem sabe, ele recuperar as memórias escondidas [...] É isso, ela constatou, conformada. Se saí na chuva, é para me molhar. E aquela era uma tempestade que estava apenas começando."

E com a convivência, Luiz Otávio acaba despertando em Malu sentimentos a muito tempo perdidos. E se ela acaba sendo o fio de esperança dele, ele acaba sendo a luz no final do túnel para o desfecho do livro e da vida dela.

"- Malu.. As pessoas lutam, erram, se decepcionam. Perdem a memória! - Apontou para o próprio peito. - Mas, quando se sentam para ver um filme ou abrem um livro para ler, não querem mais daquele sentimento negativo. Querem sonhar, acreditar que a felicidade é possível, mesmo que através de uma história inventada por outra pessoa. Elas passam a acreditar naquilo e, por um instante, tomam o sentimento emprestado, como se fosse delas. É por isso que ela gosta tanto de finais felizes."

Malu acaba se envolvendo emocionalmente por Luiz, e com ele ela acaba se redescobrindo, se reencontrando. Mas se envolver não estava nos planos dela, pois como seria quando Luiz recobrasse sua memória? Seria ele casado? Ela ficaria no passado dele?

AI MEU DEUS, QUE LIVRO!!! Estou apaixonada por Quando o Amor Bater à Sua Porta. Queria poder contar tudo para vocês, porque assim vocês poderiam ter ao menos uma noção da magnificência dessa história.

Narrado em terceira pessoa e com cenas descritivas na medida certa, Samanta Holtz me ganhou completamente desde as primeiras páginas. Quando o Amor Bater à Sua Porta é aquele típico romance que quando você começa a ler, você não quer parar porque PRECISA saber como será o desfecho. Me vi completamente fisgada, encantada e apaixonada!!!

Amei a histórias, os personagens, o desfecho, a escrita... AMEI tudo!!!
Se eu recomendo? Com certeza!!! Tenho certeza que vocês vão se apaixonar pelo Luiz e pela Malu #muitoamor

"[...] Algumas vezes o amor nos eleva às nuvens, outras vezes esfrega nossa cara na lama. Isso já aconteceu comigo e, imagino, com você também. Então, o que dizer desse sentimento tão contraditório, que ora enaltecemos, ora queremos distância?  Creio que o amor seja como um pássaro: não nasceu para ser estático. Ele é livre, é fugaz [...] se eu fosse definir em uma só palavra, diria que o amor é um momento."
Doutor  L. O. Ve.

Ahh, e o livro tem uma playlist incrível, acessem: Playlist Quando o Amor Bater à Sua Porta

Comente com o Facebook:

1 comentário :

  1. Tatyyyy!!!! Que resenha linda, linda e linda :D Obrigada pelas palavras tão carinhosas a respeito de mim e do meu livro aqui no blog... meu coração se aqueceu mais e mais a cada linha!

    Fico muito feliz em ter lhe proporcionado uma leitura tão gostosa!! Espero que todos os meus livros sempre a façam se sentir assim!

    Beijos no coração,
    Sam :*

    ResponderEliminar

A Culpa é dos Leitores - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados